Noticias

Esposende quer vacinar os idosos no concelho

Esposende quer vacinar os idosos no concelho e escreve à ministra da Saúde

 

 

Autarquia assinala a importância da existência da vacina contra a Covid-19, que traduz “o princípio do fim da pandemia”, mas argumenta que “o município quer o melhor para os seus munícipes e é nisso que tem estado empenhado”.
A autarquia de Esposende quer garantir a vacinação no concelho contra a Covid 19 de idosos com mais de 80 anos e pessoas com idade superior a 50 anos com patologias, evitando a sua deslocação a Barcelos, tal como foi definido e está previsto.
Neste contexto o executivo municipal aprovou por unanimidade uma moção dirigida à ministra da Saúde, Marta Temido, apelando a que a “estratégia nacional de vacinação possa ser repensada, uma vez que não nos foi dada outra alternativa”.

praia_esposende_apulia-300x193 Esposende quer vacinar os idosos no concelho

No âmbito do Plano Nacional de Vacinação referente à Covid-19, prevê-se, nesta primeira fase, a criação de um posto de vacinação por cada um dos Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES), o que pressupõe que, no que se refere ao concelho de Esposende, tal se concretize em Barcelos.
“Não obstante a compreensão das dificuldades técnicas que envolvem este processo, não apenas a constituição de equipas de profissionais e a preservação das vacinas no frio, é certo que a deslocação dos nossos idosos para Barcelos envolve um custo pessoal para todos, nomeadamente ao nível das dificuldades de deslocação”, afirma o presidente Benjamim Pereira.
O autarca salienta que quer o município quer todas as Juntas de Freguesia locais “estão em sintonia quanto ao apoio a dar aos munícipes para essa mesma deslocação, no seguimento do pedido formulado pelo ACES”, mas ressalva que “é da maior importância que haja em Esposende postos de vacinação para maior conforto e até segurança da população”.

Esposende-Centro Esposende quer vacinar os idosos no concelho
Salientando a importância da existência da vacina contra a Covid-19, que traduz “o princípio do fim da pandemia”, o autarca assinala que “o município quer o melhor para os seus munícipes e é nisso que tem estado empenhado”.
“Neste contexto de pandemia que atravessamos, o município esteve e estará sempre empenhado na procura e aplicação das medidas mais adequadas e eficazes em cada momento, contribuindo para ajudar a combater e mitigar a doença”, afirma Benjamim Pereira, assinalando que “estamos, como sempre estivemos, disponíveis para colaborar com as entidades de saúde e com as demais autoridades envolvidas neste processo”.